SPED Brasil

Rede Virtual de troca de informações sobre o SPED

Bom dia pessoal.. estou me perdendo no calculo do fator do CIAP

 

ja vi outras matérias ensinando a calcular o valor, eu gostaria de saber o calculo para o fator.. já vi uns 3 sites um complicando mais que o outro...

Alguém consegue me dar essa "mão"?

Exibições: 11973

Responder esta

Respostas a este tópico

Wesley,

 

O fator é obtido pela divisão das saídas tributadas sobre o total das saidas no período.

Exemplo:


Saídas Tributadas - 75.000,00

Saídas Totais - 100.000,00

Fator = 0,7500 (75.000 / 100.000)

 

Bem 1 - ICMS à apropriar  - R$ 150,00

Fator - 0,7500

Total do CIAP Bem 1 = 112,50

 

Claro que os valores arredondados não refletem a realidade, mas o objetivo é demonstrar a fórmula.

E, cá pra nós: como conseguem complicar algo assim??

 

Abraços!

 

Jurânio Monteiro

Porto Alegre - RS

Eu complico isso, beeem facil:

a) valor do ICMS constante do documento fiscal ....................R$ 1.200,00;

b) valor do ICMS correspondente ao diferencial de alíquota...R$ 600,00;

c) valor Total de saídas ou prestações (d + e + f)..................R$ 20.000,00;

d)valor das saídas ou prestações destinadas ao exterior ........R$ 2.000,00;

e)valor das saídas ou prestações isentas ou não-tributadas... R$ 5.000,00;

f) valor das saídas ou prestações tributadas (c - d - e)........... R$ 13.000,00;

g) cálculo do valor a que tem direito o contribuinte a título de crédito do ICMS relativo à entrada ou aquisição de ativo permanente, conforme a seguinte sugestão de equação matemática :

{ [ (a + b) / 48] . [ (d+ f) : c] } = valor do ICMS a ser lançado como crédito no RAICMS

 

{ [ (R$ 600,00 + R$ 1.200,00) / 48] . [ (R$ 2.000,00 + R$ 13.000,00) : R$ 20.000,00] } =

= {R$ 37,50 . [ R$ 15.000,00 : R$ 20.000,00] } =

= {R$ 37,50 . 0,75} = R$ R$ 28,12

 

 

acho até que o seu calculo esta simples demais...

o fator se chega: ( 1 - (Isentas / ValorContabil))  / 48 ,

valor do credito * fator = valor a se creditar por mês, estou com um cliente que diz que o certo é subtrair desse valor contábil o Icms St... mas não achei nada específico, ou se isso é um entendimento...


 


Tenho uma situação diferente, minha empresa é uma indústria de bens intermediários, fabricamos um isumo que é transferido para nossa Matriz CFOP 6151, temos operação como remessa de material promocional (Estadual e Interestadual) e transferencia de ativo Interestadual.

 

Minha dúvida: Devo considerar como  saídas tributadas para o fator todos os CFOPs acima que saíram tributando e dividir este valor pelo total das minhas saídas? o valor que deve ser considerado é o valor contábil o a Base de ICMS?

 


 

Pessoal... mesmo esse calculo mais complicado ai em cima ainda esta estranho, vo coloca uns exemplos com valores reais aqui ve se alguém consegue me ajudar...

a - Valor Contabil total: 1.072.065,48

b - Valor contabil das vendas definitivas : 809.418,58

c - Valor das vendas isentas definitivas: 140.280,37

d - Valor das outras definitivas: 0,00

e - Valor das vendas isentas : 240.016,12

f - Valor de outras: 40.194,50

g - valor Icms ST: 5.814,44

h - um valor de Icms pode ser um exemplo de 52,00

 

oq eu qro é só o fator...

pra mim seria assim:

((b + c) / a) / 48   até simples = fator então 52,00 * fator, é o valor do crédito

 

Mas me colocaram contra a parede de que o valor a(total) deve ainda ser subtraido o ST.

e outra coisa, tenho q colocar no calculo valor de outras?

o isentos é o total ou só o isento de vendas definitivas?

 

da uma ajuda ai pessoal...

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Para fins de apuração do valor total das operações e/ou prestações relativas ao ICMS realizadas no período de apuração não deverá ser incluída a parcela relativa ao ICMS/ST, na hipótese de sua retenção pelo contribuinte na condição de substituto tributário.

Fonte: FAQ EFD da SEF-MG

Então Sr Wanderley... mas você me consegue um exemplo de calculo prático a partir desses valores que mostrei?

então deveria ser 

[((b + c) / (a - g)) /48]   ??


Ammm... não vejo como incluir o ST na conta, material de consumo e ativo imobilizado não "sofrem" esta cobrança.

No caso em que o produto veio com o recolhimento do ST por terceiros, ou seja, antes de seu fornecedor - 5.405/060 por  exemplo - o cálculo do ICMS próprio deverá ser simulado e assim dar continuidade. (ICMS SP)


Wesley Machado disse:

Pessoal... mesmo esse calculo mais complicado ai em cima ainda esta estranho, vo coloca uns exemplos com valores reais aqui ve se alguém consegue me ajudar...

a - Valor Contabil total: 1.072.065,48

b - Valor contabil das vendas definitivas : 809.418,58

c - Valor das vendas isentas definitivas: 140.280,37

d - Valor das outras definitivas: 0,00

e - Valor das vendas isentas : 240.016,12

f - Valor de outras: 40.194,50

g - valor Icms ST: 5.814,44

h - um valor de Icms pode ser um exemplo de 52,00

 

oq eu qro é só o fator...

pra mim seria assim:

((b + c) / a) / 48   até simples = fator então 52,00 * fator, é o valor do crédito

 

Mas me colocaram contra a parede de que o valor a(total) deve ainda ser subtraido o ST.

e outra coisa, tenho q colocar no calculo valor de outras?

o isentos é o total ou só o isento de vendas definitivas?

 

da uma ajuda ai pessoal...

 

 

 

 

 

 

 

 

 



Ileusis Luna disse:


Ammm... não vejo como incluir o ST na conta, material de consumo e ativo imobilizado não "sofrem" esta cobrança.

No caso em que o produto veio com o recolhimento do ST por terceiros, ou seja, antes de seu fornecedor - 5.405/060 por  exemplo - o cálculo do ICMS próprio deverá ser simulado e assim dar continuidade. (ICMS SP)


Wesley Machado disse:

Pessoal... mesmo esse calculo mais complicado ai em cima ainda esta estranho, vo coloca uns exemplos com valores reais aqui ve se alguém consegue me ajudar...

a - Valor Contabil total: 1.072.065,48

b - Valor contabil das vendas definitivas : 809.418,58

c - Valor das vendas isentas definitivas: 140.280,37

d - Valor das outras definitivas: 0,00

e - Valor das vendas isentas : 240.016,12

f - Valor de outras: 40.194,50

g - valor Icms ST: 5.814,44

h - um valor de Icms pode ser um exemplo de 52,00

 

oq eu qro é só o fator...

pra mim seria assim:

((b + c) / a) / 48   até simples = fator então 52,00 * fator, é o valor do crédito

 

Mas me colocaram contra a parede de que o valor a(total) deve ainda ser subtraido o ST.

e outra coisa, tenho q colocar no calculo valor de outras?

o isentos é o total ou só o isento de vendas definitivas?

 

da uma ajuda ai pessoal...

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Ao

Wesley

Bom dia

No Estado de São Paulo, analisando as respostas da Consultoria cheguei no seguinte resumo que estou anexando

Anexos
Não consigo achar o anexo, pode me auxiliar por favor?

é só clicar na palavra "CALCULO DE FATOR CIAP.xls

Apareceu, muito obrigada!

Responder à discussão

RSS

© 2016   Criado por Sped Brasil.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço